Prefeitos Dr. Hilton e Fernanda Gonçalo discutem com o ministro do Desenvolvimento Regional o Marco Regulatório do Saneamento Básico

Saneamento básico deve ser uma prioridade das cidades brasileiras, pensando nisso, os prefeitos de Santa Rita e Bacabeira, Dr Hilton e Fernanda Gonçalo, respectivamente, participaram do Seminário de Desenvolvimento Sustentável e Regionalização dos Serviços Públicos de Gestão dos Resíduos Sólidos Urbanos, do Abastecimento de Água e do Tratamento de Esgotos no Estado do Maranhão, realizado na terça (26/10) pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio da Secretaria Nacional de Saneamento, em parceria com a Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA),  e com a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão  (FAMEM), na Casa da Indústria.

Na oportunidade, a Lei do Saneamento Básico foi debatida por profissionais de diversas áreas,  gestores do setor de saneamento básico dos municípios, empresários e diretores da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão(FIEMA),  que estão à frente dos novos desafios apresentados pelo Novo Marco do Saneamento.

O evento ainda contou com a participação do ministro do Desenvolvimento Regional Rogério Marinho, do secretário Nacional de Saneamento Pedro Alexandre, do presidente da Fiema Edilson Baldez, do senador Roberto Rocha, do prefeito de Arame, Pedro Fernandes, representante da FAMEM, do presidente do TCE, Washington Oliveira, e do Presidente da União Vereadores e Câmaras Municipais do Maranhão, Asaf Sobrinho.

O seminário discutiu os desafios da regionalização do Novo Marco do Saneamento e o desenvolvimento sustentável dos serviços dos resíduos sólidos urbanos no Brasil e contou ainda com uma palestra sobre “ODS e municipalização da gestão de resíduos sólidos”, com o palestrante Fábio Alex Costa Rezende de Melo, Secretário de Fiscalização do TCE.

Dr Hilton Gonçalo lembrou que a “Lei do Saneamento Básico prevê 99% da população atendida por água potável e 90% atendida por esgoto até 2033. Isso significa que o Brasil precisa chegar a 2033 com 99% de sua população atendida com água tratada e com 90% coleta e tratamento de esgoto. Essas metas fazem parte do novo marco regulatório com a  Lei do Saneamento Básico, sancionada em julho”.

Por isso na avaliação dele, o estado precisa ampliar seus investimentos em saneamento básico, pois a universalização dos serviços de saneamento e esgoto trará inúmeros benefícios em diversas áreas econômicas e sociais, gerando ganhos que contribuiriam para o crescimento nacional.

O Maranhão possui 7,1 milhões de habitantes espalhados em 217 municípios. Segundo informações do SNIS em 2019, apenas 48,4% da população é atendida com abastecimento de água, enquanto somente 11,5% possuem coleta de esgoto em suas residências. O estado avança lentamente nesse sentido, nos últimos 15 anos (2005 a 2019), dos atuais 7 milhões de habitantes, menos de 100 mil pessoas passaram a ter acesso ao serviço de abastecimento de água tratada e 246 mil passaram a ter o serviço de coleta de esgoto.

JOHN CUTRIN

Preso na Baixada acusado de matar sargento da Polícia Militar em São Luís

Na início da manhã desta terça-feira (26), dois homens foram presos na cidade de São Vicente Ferrer. Segundo as informações da Polícia Militar, um deles é suspeito de participar da morte de um sargento da Polícia Militar de São Luis e outro suspeito de tentativa de feminicídio no município da Baixada Maranhense.

As ações foram realizadas por volta das seis horas, no povoado Tabocas e São Marcos, zona rural de São Vicente Ferrer. O primeiro preso foi identificado como Marcos Hiago Pereira, natural de São Luis. Ele está sendo acusado de ser um dos envolvidos na morte do sargento Moisaniel Jesus Amorim Pinheiro, morto durante uma tentativa de assalto 20 deste mês, no bairro São Cristovão, em São Luís.

De acordo com informações da polícia, a vítima estava chegando em casa, quando foi abordado por dois homens em um carro. Na ação, Moisaniel reagiu ao assalto e foi morto por dois disparos de arma de fogo na região do tórax e da mão esquerda. O caso já está sendo investigado pela Superintendência Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (SHPP).

Blog do Gilberto Lima: Sargento da PM é assassinado a tiros no Jardim São Cristóvão, em São Luís

O suspeito foi encontrado na casa de parentes, em São Vicente Ferrer, e contra ele tinha um mandado de prisão. Ao perceber o cerco, ele teria usado um dos seus parentes como escudo humano, mas se rendeu logo depois. Ele foi encaminhado para a Delegacia Regional de Viana.

Mais uma prisão

Nesta mesma operação, a Polícia Militar, em conjunto com a Polícia Civil, cumpriu um mandado de prisão contra um suspeito de tentativa de feminicídio, de 34 anos. Ele morava no povoado São Marcos e também foi encaminhado para a Delegacia Regional de Viana.

(Com informações do Jailson Mendes)

Aliados sugerem que Bolsonaro faça ‘ato patriótico’ e desista de reeleição

O segmento do agronegócio e evangélicos, aliados estratégicos do presidente Jair Bolsonaro, vêm sugerindo a interlocutores diretos do mandatário que ele faça um “ato patriótico” e desista da reeleição.

Aliados próximos ao presidente consideram que a reeleição não seria o melhor caminho no momento e por isso pediram ao presidente para que fizesse esse “ato patriótico”.

Além da desistência pela reeleição no próximo ano, os dois segmentos ainda teriam pedido para que Bolsonaro indicasse em seu lugar o ministro Tarcísio Freitas, do Ministério da Infraestrutura, para presidente.

A ideia é evitar uma derrota de Bolsonaro no próximo pleito presidencial. Pesquisas mostram que Bolsonaro perderia para Lula em praticamente todos os cenários, seja no primeiro ou segundo turno.

Por unanimidade, Márcio Jerry é reeleito presidente estadual do PCdoB-MA

 

O nome de Jerry foi escolhido por unanimidade durante o encerramento das atividades da 17ª Conferência Estadual do PCdoB

O atual secretário das Cidades e Desenvolvimento Urbano do Maranhão, deputado federal Márcio Jerry, foi reconduzido ao cargo de presidente do PCdoB Maranhão pela terceira vez neste sábado (2), em São Luís. O nome de Jerry foi escolhido por unanimidade durante o encerramento das atividades da 17ª Conferência Estadual do PCdoB, após representantes do diretório nacional e estadual destacarem o esforço desempenhado por ele no estado.

Aos correligionários, o atual secretário agradeceu a confiança dos membros do colegiado. “Não me falta estímulo, disposição e responsabilidade para assumir esta função. Portanto é sempre com uma honra renovada que o faço, porque meu papel neste partido não se torna rotina. Ser presidente do PCdoB por mais um período, não significa para mim fazer mais do mesmo. Significa sempre o recomeçar. O desafio é outro, o desafio é novo. Nosso ato político ontem à noite nos deu um recado muito importante ao Maranhão: somos o partido que vai criar as condições para construir uma unidade capaz de manter o Maranhão no rumo certo”, afirmou.

A 17ª da Conferência

O evento de abertura da 17ª edição da sigla contou com a participação virtual da presidente nacional do PCdoB, Luciana Santos, e do líder do partido na Câmara, deputado Renildo Calheiros (AL), além de lideranças do estado, como o governador do Maranhão, Flávio Dino, atualmente no PSB.

Ainda compuseram a mesa do evento o vice-governador, Carlos Brandão (PSDB), os deputados federais Bira do Pindaré (PSB) e Rubens Pereira Jr (PCdoB), o presidente Estadual do Cidadania, Eliel Gama, o presidente estadual do PT do Maranhão, Augusto Lobato, e o senador Weverton Rocha (PDT), além de deputados estaduais, prefeitos municipais e lideranças de diversos movimentos sociais.

O recado geral do encontro foi o de consolidação de uma aliança comum entre as legendas e a entrada, de forma mais firme do partido, no processo sucessório estadual. Em defesa da unidade entre partidos aliados, Márcio Jerry assegurou que o principal objetivo do partido será intensificar o diálogo com todos os pré-candidatos ao Palácio dos Leões, sociedade e movimentos sociais para garantir a continuidade do trabalho comandado por Dino no estado.

“Se nós colocarmos à mesa, sobretudo e essencialmente, o compromisso com esse programa de manutenção das conquistas e ampliação, isso será suficiente para nos aconselhar a termos e construirmos uma unidade vitoriosa para o Maranhão”, declarou.

O nome de Jerry foi escolhido por unanimidade durante o encerramento das atividades da 17ª Conferência Estadual do PCdoB

Domingos Costa

Operação Farinha Pouca da Polícia Federal combate fraudes ao auxílio emergencial

 A Polícia Federal iniciou, nessa quinta-feira (30/9), a Operação Farinha Pouca, que visa combater fraudes no recebimento do benefício de auxílio emergencial, criado em razão da crise de saúde pública causada pela pandemia de covid-19.

Foram cumpridas buscas em cinco endereços residenciais dos suspeitos, onde foram apreendidos dispositivos eletrônicos e de armazenamento, os quais, mediante autorização judicial, serão analisados a fim de obter mais elementos de prova do crime que aconteceu e eventuais suspeitos ainda não identificados.

A investigação teve início em abril de 2021 a partir de informações encaminhadas pela Base Nacional de Fraudes ao Auxílio Emergencial (BNFAE), uma força-tarefa firmada entre a Polícia Federal e Caixa Econômica Federal.

A força-tarefa identificou que indivíduos suspeitos estariam praticando fraudes para obter o benefício assistencial com os nomes e dados de terceiros, a partir da cidade de Joinville. A fraude consistia em se cadastrar no programa usando o nome de outrem e, assim, obter o benefício. Depois, ainda se passando pelo terceiro beneficiado, usar os valores obtidos no auxílio emergencial para pagar contas no comércio local.

A conta Auxílio Emergencial, gerenciada pela Caixa, dá a possibilidade pagamento em máquinas de cartão do tipo que se encontra em qualquer loja ou mercado, bem como o pagamento de boletos e transferências em lotéricas e bancos. Assim, os infratores se aproveitavam da facilidade de uso da conta Auxílio Emergencial para obter benefícios em prejuízo da população.

O prejuízo causado pelos infratores, durante os três meses de atuação na fraude, é estimado em mais de R$ 100 mil.

O inquérito policial segue em curso, e os investigados poderão ser indiciados pela prática dos crimes de furto qualificado mediante fraude e de falsificação de documento público, cujas penas máximas, somadas, podem chegar a 14 anos de prisão.  

(Informações da PF)

O CANDIDATO DE DINO SERÁ CARLOS BRANDÃO

Volta ao PSDB reforça Brandão como candidato de Flávio Dino | Gilberto LédaO governador Flávio Dino (PSB) anunciou a pessoas próximas que vai antecipar para o próximo mês a declaração pública de apoio ao vice-governador Carlos Brandão (PSDB) como seu candidato ao Palácio dos Leões na eleição de 2022. Inicialmente, o anúncio estava previsto para ocorrer em novembro.

O neosocialista tentou manter para a disputa eleitoral do próximo ano a coalização de partidos que ainda compõem seu governo, mas decidiu não tolerar mais o que tem classificado como “petulância” e “afronta” do senador Weverton Rocha (PDT) e do entorno do pedetista, até mesmo com ataques a programas de sua gestão.

A gota d’água, segundo interlocutores de Dino, foi a reiteração de um discurso em atos de campanha antecipada do pedetista pelo interior maranhense, de que a eleição de Weverton para o Governo do Estado representaria a chegada de um segundo governo popular ao Maranhão, tendo sido o de Jackson Lago, já falecido, o primeiro.

A leitura dinista é de que a criação intencional do hiato, isto é, a não citação ao governo atual e seus feitos, traduz uma traição maior do que a do senador Roberto Rocha (PSDB-MA), que rompeu com Flávio Dino após ser colocado no Senado Federal.

Neste sentido, somado a diversas outras declarações vistas como insultuosas, como não depender do governador maranhense e de menosprezo à importância da função de vice na esfera pública, Weverton estaria ainda manifestando notório desinteresse em cumprir com compromissos constantes em uma carta assinada de punho próprio, de que, se eleito governador, daria continuidade a ações exitosas do governo Dino em políticas públicas.

Além da declaração de apoio a eleição de Brandão para o Palácio dos Leões, o que já vinha sendo desenhada nos bastidores e por meio de gestos públicos, o governador do Maranhão irá também mudar o comando do Departamento de Trânsito do Maranhão, o Detran, hoje sob controle do PDT de Weverton. A vice para a legenda também está descartada. (Atual 7)

PREFEITURA REALIZA GRANDE CAMINHADA EM PREVENÇÃO AO SUÍCIDIO

Uma grande caminhada realizada na Avenida 13 do Maiobão, no fim da tarde desta quinta-feira(30) marcou o encerramento da campanha Setembro Amarelo em Paço do Lumiar. A campanha foi iniciada no dia 18 de setembro com uma ação que ofereceu atendimento psicológico, palestras e outros serviços oferecidos gratuitamente à população. Hoje a caminhada de encerramento da campanha Setembro Amarelo mobilizou a população e servidores de todas as secretarias do município, tendo início na Secretaria Municipal de Saúde de Paço do Lumiar-SEMUS, no CSU Maiobão com a apresentação do bloco afro Netos de Nanã, do bairro da Liberdade, de São Luís, e seguiu em direção à Praça da Família, onde a programação encerrou com um aulão do Projeto de Zumba, “Paço a Passo, Mexa-se Por Dias Melhores”.

A prefeita Paula Azevedo(PCdoB) explicou que o município se mobilizou e conseguiu alcançar um grande número de pessoas com a campanha: “A caminhada é a prova de que nós alcançamos muita gente, a população luminense entendeu que é necessário se preocupar com a questão do suicídio e pedir ajuda, quando necessário”, falou a prefeita.

De acordo com a Secretária Municipal de Saúde de Paço do Lumiar, Danielle Pereira, além da campanha em prevenção ao suicídio, o município também realizará a partir desta sexta-feira(01) ações em referência ao outubro rosa de combate ao câncer de mama: “Nosso município não vai parar e nós iniciaremos o mês de outubro com muito trabalho, enfatizando as ações da campanha Outubro Rosa de prevenção ao câncer de mama, começando pela sede do município a partir de amanhã”, informou a secretária.

Governador Flávio Dino sabe o que está fazendo, quer Carlos Brandão como seu sucessor

As postagens relacionadas à eleição para o Governo do estado publicadas nesse Blog, tem se falado que até agora as coisas estão incertas sobre a escolha dos nomes que irão concorrer ao cargo  público de governador do Maranhão, não será uma eleição fácil, há fortes nomes na disputa e todos os concorrentes querem chegar ao topo, entre esses o Vice-Governador Carlos Brandão, ele que alguns meses atrás quase não aparecia, de repente passou a se destacar no senário político, Brandão(PSDB), em suas visitas pelos interiores do Maranhão vem demonstrando que seu nome  é leve e confia que  continuará tendo a confiança do Governador Flávio Dino , não tem dúvida que ele será o escolhido dentro do grupo para lhe suceder no Palácio dos Leões.

Na contramão temos o senador Weverton Rocha (PDT), também pré-candidato ao Governo do Maranhão, esse aos poucos tem demonstrado rompimento com Flávio Dino  e convicto que  soma em si todas as condições de ser Governador do Maranhão , sobre o assunto,  Rocha  segue firme  e convicto que já ganhou a simpatia da população, portanto não como retroceder , sabe que não será uma  eleição fácil, talvez uma das mais desgastante ,  pois entende que  é muito ruim concorrer a uma eleição  contra um grupo que antes era aliado e deu a ele todo o suporte para se eleger senador  da república.

Com uma postura equilibrada, republicana e agregadora, Carlos Brandão vai pavimentando o seu nome como o que conseguirá manter o grupo de Dino unido nas eleições de 2022.

Em recente entrevista, na TV Difusora, em São Mateus, Brandão deixou claro que não haverá rompimento com o governador Flávio Dino, mesmo se por ventura não for o escolhido do grupo para a disputa do Governo do Maranhão.

“O governador Flávio Dino sempre me tratou com muito respeito, nunca tivemos um atrito, um mal estar. Possibilidade de rompimento com o governador Flávio Dino é zero”, afirmou.

Brandão ainda fez questão de ressaltar que desconhece a palavra traição e que seguirá sendo leal a Flávio Dino e o seu grupo político.

“Essa palavra traição, não existe no meu dicionário. Na minha vida pública, nunca teve traição, nunca teve covardia, sempre mantendo os amigos”, disse Brandão.

É aguardar e conferir, mas com declarações agregadoras, ao invés de desafiadoras, Brandão apenas consolida o seu nome para ser o escolhido por Flávio Dino.

Vereador Marlon Botão destaca os avanços na área da saúde em São Luís

Em discurso na sessão ordinária desta terça-feira (28), o vereador Marlon Botão (PSB) destacou alguns avanços que ocorreram durante os primeiros meses de mandato do prefeito de São Luís, Eduardo Braide (Podemos).

Marlon Botão iniciou seu discurso destacando a construção e reformas de diversas Unidades Básicas de Saúde em São Luís. “A saúde do nosso município vivia uma situação muito caótica, de total abandono. Isso é um problema histórico, não é um problema de gestão passada. A prefeitura com muita seriedade inaugurou e reinaugurou 15 Unidades Básicas de Saúde. A última foi a Thalles Ribeiro, na vila Esperança, que recebeu um Centro de Saúde totalmente revitalizado”, disse.

O parlamentar informou também que a zona rural do município vai receber a instalação do primeiro Centro Integrado de Saúde com diversas especialidades médicas.

“São Luís é a décima quinta maior cidade do país e precisa se desenvolver ainda mais, o ponto de partida é a zona rural. Os moradores da zona rural do município vão ganhar o primeiro Centro Especializado e Integrado com diversas referências médicas, que ficará lá no Morada do Sol. Será usado um prédio que estava abandonado, a prefeitura está revitalizando o local e vai entregar para os moradores da zona rural”, afirmou Marlon Botão.

o final, Marlon Botão solicitou ao Governador do Estado do Maranhão, Flávio Dino (PSB), que ajude a solucionar o problema da falta de água no residencial Jomar Moraes, localizado no Parque Pindorama.

O vereador informou que o residencial foi inaugurado no ano passado e beneficiou muitas famílias, mas os moradores vêm sofrendo constantemente com a falta de água nos apartamentos.