Estrangeiro procurado pela Interpol é preso pela PF no Maranhão

Foto Divulgação: PF

A Polícia Federal, nesta segunda-feira (27/12), deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva para extradição expedido pelo Supremo Tribunal Federal em desfavor do argentino Daniel Adrian Marconi por prática, em tese, de crime de abuso sexual qualificado.

O procurado, que residia em Imperatriz desde 2018, estava na lista de Difusão Vermelha da Interpol. Ele será encaminhado ao sistema prisional, onde aguardará até sua possível extradição para a Argentina.

O caso é um exemplar das diversas atribuições da Polícia Federal no campo da cooperação policial internacional.

Minard Informações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *