VICE-GOVERNADOR CARLOS BRANDÃO VISTORIA OBRA NA ILHA TAUÁ-MIRIM

Carlos Brandão conversou com moradores da Ilha Tauá-Mirim (Foto: Júnior Foicinha)
Na manhã desta segunda-feira (6), uma comitiva comandada pelo vice-governador Carlos Brandão visitou a Ilha Tauá-Mirim, onde está sendo realizado um serviço de pavimentação, por meio da Agência Executiva Metropolitana (AGEM). A vistoria foi acompanhada pelo presidente da AGEM, Lívio Jonas Mendonça Corrêa.

Tauá-Mirim está localizada na zona rural de São Luís, nas proximidades da Estiva e do Coqueiro. Na Ilha vivem cerca de 700 famílias distribuídas em cinco comunidades: Portinho, Amapá, Ilha Pequena, Embaubal e Jacamim. O atual acesso utilizado pelos moradores e por quem visita a região foi construído pela própria comunidade, com a piçarra existente no local. “Essa pequena estrada, entretanto, ainda não apresentava as condições ideais para a mobilidade, o que fez com que surgisse a demanda da obra agora em execução por parte do Governo do Estado”, destacou Carlos Brandão.

Segundo o vice-governador, Tauá-Mirim sempre recebeu promessas de melhorias, ano após ano; porém nada de concreto havia sido realizado. “A cada nova promessa, vinda de diversos segmentos, mais um ano se seguia e nada era feito. Isso mudou agora. Também iremos analisar a viabilidade de implantação de outras melhorias, como uma escola de Ensino Médio, para que os estudantes não precisem se sacrificar indo até escolas distantes”, afirmou.

Obra vai garantir segurança e dinamizar escoamento da produção (Foto: Júnior Foicinha)

Para Lívio Corrêa, a pavimentação vai possibilitar qualidade de vida e dinamizar a economia na Ilha, que tem no pescado e na produção de farinha os principais produtos econômicos. “O escoamento poderá ser maior, pois a estrada facilitará o transporte”, destacou. De acordo com ele, este serviço e outros que poderão ser realizados em Tauá-Mirim resultam de um compromisso do Governo do Estado com o desenvolvimento socioeconômico do Maranhão como um todo. “Uma prova disso é estarmos aqui, realizando essa vistoria e conversando com as pessoas, pois entendemos que somente por meio do diálogo podemos saber quais as reais necessidades de uma comunidade”.

“Nós, aqui, temos muitas carências. A estrada era a principal delas. Não é fácil quando adoece uma pessoa e precisamos levar para o hospital, por exemplo”, revelou o presidente da Associação de Moradores Ilha Pequena-Jacamim, Teotônio Fernando Bezerra Júnior.

Benfeitoria

A obra inclui 5 km de extensão por 5 metros de largura, até a comunidade Jacamim, e de 4 km para as comunidades Embaubal, Ilha Pequena e Amapá, com construção, ainda, de rampas na área de embarque e desembarque, onde ancoram os pequenos barcos que fazem o transporte de pessoas e mercadorias, até o povoado Jacamim. Toda a área receberá serviços de terraplenagem e pavimentação com Tratamento Superficial Duplo (TSD).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *